Arquivo do mês: julho 2009

Qual o objetivo do Voluntários do Rio?

002832_conselho_logoAPor Renato Silvestre

 

Como para alguns dos visitantes pode ter ficado um pouco vago quais são os objetivos e as ações que serão tomadas pelo Conselho Comunitário Consultivo Carbocloro, por meio do projeto Voluntários do Rio, começaremos então a disponibilizar novas informações sobre o mesmo.

Ainda que o assunto seja fascinante e a temática da recuperação ambiental de Cubatão nos motive para um grande debate sobre as melhores maneiras e políticas para viabilizar esse sonho, não caberia aqui colocar de uma única vez todo o conteúdo do projeto. Por isso, começarei inserindo os objetivos, que ficaram assim definidos:

“Promover a limpeza do entorno dos rios Cubatão, Cascalho e Casqueiro, no município de Cubatão, através da retirada do lixo depositado nas margens e sobre a superfície desses rios;

Promover um trabalho de conscientização e educação ambiental junto à comunidade do entorno dos rios Cubatão, Cascalho e Casqueiro, visando evitar o descarte inadequado do lixo para o meio ambiente.”

Bem, em breve colocarei mais detalhes sobre o desenvolvimento do projeto, ou seja, quais serão as ações efetivas para que os objetivos aqui expostos possam começar a ser alcançados.

Acessem o blog, comentem e repliquem.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Eu mergulho nesta idéia

Moradias irregulares em palafitas na região

Moradias irregulares em palafitas na região

Por Renato Silvestre

Agora está decretado: É chegada a hora de arregaçar as mangas e ir ao trabalho de vez!

 

Hoje, o Conselho Comunitário Consultivo da Carbocloro (CCC) se reuniu de maneira extraordinária para apresentar o escopo do projeto Voluntários do Rio para a administração municipal, que esteve presente representada pelos senhores secretários Fábio de Oliveira Inácio (Educação), José Agnaldo Beghini de Carvalho (Finanças) e Vanderlei Oliveira (Meio Ambiente). A reunião contou ainda com a presença do presidente da Carbocloro, o engenheiro Mario Cilento.

Após apresentação realizada pelo Gerente de Saúde, Segurança e Meio Ambiente da empresa, Teodoro Pavão, os secretários municipais de educação e meio ambiente se pronunciaram sobre o que viram e se mostraram favoráveis ao projeto, relembrando o histórico da cidade de Cubatão e sua recuperação ambiental – processo este, que deve ser contínuo.

No final da reunião o presidente da Carbocloro fez questão de frisar a importância do projeto e se mostrou empolgado com o momento. “O importante é termos cada vez mais voluntários do rio e não, como no passado, vítimas do mesmo”, afirmou.

O projeto Voluntários do Rio vai agora atrás de novos parceiros e em busca da realização do evento que será o marco inicial do projeto, o Canoaço. É um sonho tornando-se realidade, e a até então utópica imagem do meio ambiente de Cubatão totalmente recuperado tornando-se palpável.

É de conhecimento de todos que o jogo é duro, e é por isso que o CCC precisa contar com os três pilares da sociedade, a iniciativa privada, o poder público e a comunidade. Somente juntos faremos dos rios e mangues de Cubatão um lugar turístico, sustentável e antes de qualquer coisa, um grande exemplo de respeito ao meio ambiente e saúde pública.

O desafio está lançado. Cada um deve fazer a sua parte para que no final possamos mergulhar de cabeça em uma cidade melhor.

Em breve novas informações sobre o andamento do projeto começarão a ser disponibilizadas. Acessem o blog, comentem e repliquem.

4 Comentários

Arquivado em artigos