Arquivo da tag: voluntário

Carbocloro lança a segunda edição do projeto Voluntários do rio

Voltado a crianças do 5º ano do Ensino Fundamental da rede pública, o projeto promove a conscientização ambiental e resgata a importância histórica de Cubatão

Resgatar a importância histórica e cultural da cidade de Cubatão (SP) e despertar o interesse das crianças cubatenses pela cidade onde vivem, além de promover a conscientização ambiental. Esses são os principais objetivos do projeto Voluntários do rio II – Vida e História de Cubatão, que será lançado no próximo dia 16 de março, às 15h, no Bloco Cultural de Cubatão, pela Carbocloro em parceria com o seu Conselho Comunitário Consultivo (CCC).

“Voltado para crianças do 5º ano do Ensino Fundamental da rede pública de Cubatão, o projeto nasceu da necessidade de criar ferramentas educacionais atrativas para levar às crianças de Cubatão uma nova forma de ver a cidade onde vivem, promovendo a valorização da história, da cultura e do meio ambiente”, explica Daniel Ravaneli, coordenador do projeto e membro do CCC.

Durante o Voluntários do rio II, que promoverá atividades até o fim do ano letivo de 2012, as crianças de Cubatão poderão participar de uma série de ações gratuitas desenvolvidas especialmente para o projeto. Os alunos receberão cartilhas, assistirão a um filme desenvolvido especialmente para o projeto, que retrata a história e o desenvolvimento de Cubatão, e participarão de um passeio de barco pelos rios da cidade.

Para Marcio Abreu, diretor Industrial da Carbocloro, desenvolver projetos voltados para crianças é algo fundamental para preservar a história, a cultura e o meio ambiente, já que serão elas as responsáveis pelo futuro da cidade de Cubatão. “O projeto torna-se ainda mais relevante por tratar destes temas de forma lúdica para aqueles que serão seus defensores no futuro, ou seja, as crianças. Acreditamos que é por meio de projetos como esse que daremos continuidade ao processo de melhoria da imagem da cidade, ao mesmo tempo em que trabalhamos a autoestima dos cubatenses”, destaca Abreu.

O projeto, foi desenvolvido através da Lei de Incentivo a Cultura (Lei Rouanet) do Ministério da Cultura. A previsão é de que 1600 alunos sejam beneficiados pela iniciativa.

As escolas interessadas em participar do projeto devem fazer a inscrição por meio do site
http://www.historiadecubatao.com.br ou através do email historiadecubatao@gmail.com

Atividades

Entre as atividades, haverá a exibição do filme “Cubatão Nota 10”, com duração de 30 minutos, que usa a animação e imagens reais de Cubatão para contar a vida de Jenifer, uma menina que precisa entregar um trabalho escolar sobre a cidade e acaba participando de uma história fantástica, por meio da qual faz uma viagem por Cubatão para descobrir o que a região tem de
melhor.

Outra atividade do projeto é um passeio de barco com duração de 50 minutos. O trajeto prevê quatro paradas onde serão abordados temas como localização geográfica, vida da população ribeirinha, fauna, flora e conscientização ambiental.

Ao longo do passeio, os alunos devem preencher as atividades da cartilha “Vida e História de Cubatão – Juntos, fazendo uma
cidade nota 10!”, que contém brincadeiras e curiosidades sobre a história, a cultura e o meio ambiente de Cubatão. O conteúdo da cartilha, além de ser trabalhado com os alunos durante as atividades do projeto, poderá servir como material de apoio para as aulas temáticas sobre a cidade.

Ao final, os alunos participam de uma Gincana de desenhos, onde as crianças poderão expor o que viram e aprenderam durante as atividades do projeto.

Todas as atividades, com exceção da Gincana de Desenhos, são realizadas na Náutica da Ilha, na Ilha de Caraguatá, em Cubatão, contando sempre com a supervisão de monitores devidamente treinados.

Sobre a Carbocloro

Instalada no Brasil desde 1964, a Carbocloro S.A. Indústrias Químicas – uma empresa do grupo Unipar e Occidental Chemical Corporation – é líder no fornecimento de cloro para tratamento de água no Brasil e produz matérias-primas que servem de base para importantes segmentos do parque industrial brasileiro.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Dados do projeto, notícia

Voluntários do Rio é apresentado na Mostra Fiesp

http://www.atribuna.com.br

E-4
Indústria
A TRIBUNA
Sexta-feira. 27 de agosto de 2010.

DA REDAÇÃO

O projeto Voluntários do Rio, desenvolvido pela Carbocloro, foi um dos casos de destaque de procedimentos bem-sucedidos na relação indústria-comunidade durante a 4ª edição da Mostra de Responsabilidade Socioambiental da Fiesp/ Ciesp realizado de terça a quinta-feira desta semana, em São Paulo.

Apresentado no painel da Fiesp por Sylvia Vieira, do setor de Comunicação da Carbocloro, o projeto se inseriu no slogan Eu mergulho nesta idéia, com o objetivo de promover a limpeza do entorno dos rios Cascalho, Casqueiro e Cubatão, a fim de evitar o descarte inadequado dos resíduos para os cursos d’água.

Em 2009, em cinco dias de trabalho voluntário de estudantes e funcionários da Carbocloro, com apoio do Painel Consultivo Comunitário da empresa, foram coletadas cinco toneladas de lixo retirado dasmargens dos rios. Como saldo da campanha ficou a conscientização de 1.300 pessoas (destacando alunos das quartas séries do Ensino Fundamental). E, também, o impacto indireto em um universo de 4mil pessoas, formando agentes multiplicadores, com a utilização de material didático e a realização de peças teatrais e oficinas de reciclagem.

USIMINAS
O assessor de Sustentabilidade da Usiminas, André Chaves de Andrade, também falou sobre o compromisso da empresa com as comunidades de Minas Gerais e da Baixada Santista, durante a Mostra.
A Usiminas mantém uma série de projetos que contribuem para a melhoria da qualidade de vida, preservação do meio ambiente e inclusão social. Na Baixada Santista, conta com duas iniciativas sociais ­ Usiminas na Escola e o Projeto Mantiqueira ­ além de programas culturais e esportivos patrocinados por meio das leis federais e estaduais de incentivo.

1 comentário

Arquivado em Dados do projeto, notícia

Voluntários do Rio é selecionado pela Fiesp

Projeto será apresentado durante a 4ª Mostra de Responsabilidade Socioambiental

Sexta-feira, 13 de agosto de 2010.
A TRIBUNA
Indústria
E-3
http://www.atribuna.com.br

Canoaço abriu o projeto em setembro de 2009

DA REDAÇÃO
O Projeto Voluntários do Rio, desenvolvido pela Carbocloro em Cubatão para criar entre escolares da cidade e populações ribeirinhas hábitos de preservação ambiental, será apresentado durante a 4ª Mostra de Responsabilidade Socioambiental da Fiesp/Ciesp.

Selecionada pela Federação e Centro das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), a proposta vem sendo considerada um modelo a ser seguido por outras empresas no Estado. Desenvolvido em 2009, sob o espírito do slogan Eu mergulho nesta ideia, o projeto envolveu escolares e funcionários da empresa que executaram serviços voluntários de limpeza entorno dos rios Cascalho, Casqueiro e Cubatão.

O projeto também desencadeou um trabalho de conscientização e educação ambiental nas comunidades vizinhas a esses rios, a fim de evitar o descarte inadequado de lixo. Executado em cinco dias, o trabalho nas margens resultou na coletada de cinco toneladas de lixo.

O programa também investe na conscientização de 1.300 pessoas (na maioria alunos das quartas séries do Ensino Fundamental de escolas ao longo dos rios) e impacto indireto em um universo de 4 mil pessoas, formando agentes multiplicadores, com a utilização de material didático e a realização de peças teatrais e oficinas de reciclagem.

Na Mostra, representantes da Carbocloro apresentarão toda a estratégia do projeto. A 4ª edição da Mostra de Responsabilidade Socioambiental da Fiesp/Ciesp tem como tema Desastres climáticos, epidemias, pandemias, drogas e envelhecimento -­ Ação coordenada para a sustentabilidade global. O debate será realizado de 24 a 26 de agosto, na sede da Federação, sob iniciativa do Comitê de Responsabilidade Social (Cores).

Na quarta-feira, o presidenteda Carbocloro, Mário Cilento, participou de entrevista para explicar os objetivos do seminário, juntamente com o presidente da Fiesp-Ciesp, Benjamin Steinbruch.

PLANETA ÁGUA
Além do caso da Carbocloro, também será exibido o exemplo da Duratex: Planeta Água ­ Um Mundo Sustentável, voltado à educação ambiental de jovens na faixa entre 8 e 12 anos de idade. A empresa desenvolveu iniciativas de sensibilização da sociedade sobre questões relacionadas ao uso adequado dos recursos naturais, em especial a água, reflorestamento e conservação da biodiversidade, além de descarte e reciclagem. Nas duas primeiras edições, em 2003 e 2005, em cidades do Estado de São Paulo e São Leopoldo (RS), a iniciativa alcançou 36 mil pessoas. A Duratex apresentará os resultados da terceira edição desta iniciativa, no Interior do Estado.

MESAS-REDONDAS
Haverá ainda apresentação das seguintes mesas-redondas: Como as modificações na legislação (FAP/SAT/ NTEP) podem contribuir para a saúde e a qualidade de vida na indústria; A saúde do trabalhador como elemento para a sustentabilidade do negócio; e Impactos da vida moderna sobre a competitividade global. O evento também contará com a apresentação dos trabalhos vencedores do 5º Prêmio Fiesp de Conservação e Reúso de Água e da 16ª Edição do Prêmio Fiesp de Mérito Ambiental.
___________________________________________________________
Continuem acessando, divulgando e comentando!
Até breve.

1 comentário

Arquivado em notícia

Expectativa aumenta a poucos dias do início do projeto

Membros do CCC em reunião no Centro Ambiental Afonso Schmidt

Membros do CCC em reunião no Centro Ambiental Afonso Schmidt

Por Renato Silvestre

 

A preparação para o projeto Voluntários do Rio entra em sua reta final, e para aparar as últimas arestas do evento inicial, o Canoaço, o Conselho Comunitário Consultivo Carbocloro se reuniu de maneira extraordinário, na última segunda-feira (31/08), no Centro Ambiental Afonso Schmidt.

Detalhes técnicos, o funcionamento do evento e o andamento das ações preparatórias foram discutidos entre os membros do CCC em clima de expectativa e crescente ansiedade. “Estamos ansiosos para ver o projeto realizado, pois é algo novo e diferente. Quando fizemos a visita técnica (realizada em novembro de 2008) fiquei surpreso, pois foi a primeira vez que vi o rio de dentro para fora. Só assim, pode-se criar uma consciência maior sobre o problema”, revelou Valdenor dos Santos Dias, professor de educação física e membro do Conselho.  

Quem também acredita que a visão de dentro rio pode ajudar a conscientizar é Priscilla de Andrade Batista, estudante de oceanografia e uma das mais novas integrantes do CCC. “A partir do momento que as pessoas presenciam os animais convivendo junto com o lixo que é gerado por todos nós, elas tendem a ficar chocadas e se sensibilizar”, avaliou.

Já para Wellington Pinheiro dos Santos Silva, instrutor de canoagem e, também, conselheiro, a perspectiva é de conseguir levar a consciência ambiental ao maior número de pessoas. “Acredito que o importante será expor o estado que se encontra o manguezal, intensificando a conscientização e mostrando o quanto esse ecossistema está sendo agredido com o depósito diário de lixo da região”, afirmou.

Teodoro Pavão, Gerente de Saúde, Segurança e Meio Ambiente da Carbocloro também revelou estar ansioso pela efetivação das primeiras ações do Voluntários do Rio. “Estamos ansiosos e planejando para que tudo de certo. Nosso objetivo é mostrar para a população que podemos melhorar o meio ambiente, não só coletando o lixo que está no rio, como também, evitando sujá-lo”, disse.

 

O Canoaço 

O Canoaço, que será realizado no domingo, 13 de setembro, reunirá cerca de 250 pessoas, entre autoridades, imprensa e moradores de Cubatão. Todos os participantes poderão ver de perto o atual quadro dos rios Casqueiro, Cascalho e Cubatão, além de comprovar o impacto do lixo na vida do mangue. “O Canoaço mostrará para as pessoas que lugar de rio é lugar de vida, é lugar de peixe e não de lixo”, afirmou Rolando Roebbelen, coordenador do projeto.

 

Quem quiser ter mais informações sobre como participar do Canoaço pode entrar em contato com o Rolando, através dos telefones: (13) 3361-3400 ou (13) 9611-2506. 

Acessem, comentem, questione e repliquem.   

Deixe um comentário

Arquivado em artigos, notícia